JUSTIÇA

Serpro obrigado a pagar ônibus

Por Maurício Renner

Terça, 10/10/2017 11:12

Serpro obrigado a pagar ônibus

O Serpro está obrigado por decisão judicial a fornecer serviço de transporte gratuito de ônibus e vans para 320 funcionários da sua sede no bairro do Socorro, na zona Sul de São Paulo.

A estatal federal de processamento de dados tentou encerrar o serviço, oferecido há 30 anos, como parte de uma série de medidas de cortes de gastos anunciadas em 2016.

O Sindpd, sindicato da área de tecnologia de São Paulo, acionou a justiça trabalhista, que decidiu que o Serpro não pode cortar o benefício unilateralmente, nem sequer se oferecer vales transporte no lugar do ônibus.

"A alegação relativa à crise orçamentária não é suficiente para justificar a supressão de vantagem concedida pela empresa, não se podendo admitir que o risco do empreendimento seja transferido ao empregado", afirma a desembargadora Ana Maria Moraes Barbosa Macedo, em sentença emitida pelo Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.

Tags Serpro

Compartilhe

VEJA TAMBÉM

ASSINE A NEWSLETTER

Receba gratuitamente nossa Newsletter e as últimas atualizações.

Preencha o campo email corretamente.
Cadastro realizado com sucesso!